quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Polícia Civil desarticula golpe a site de compras pela internet

Desde 2011, casal de Esteio se beneficiava do ressarcimento de compras não recebidas
Notebook, celulares e HD externo foram apreendidos na residência do casal | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP
Notebook, celulares e HD externo foram apreendidos na residência do casal | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP
  • 0
    Comentários
  • Correio do Povo
Após um ano de investigação, a Polícia Civil desarticulou um golpe contra site de compras pela internet. Um casal, de Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre, pedia ressarcimento de valores supostamente pagos por produtos não recebidos. O crime ocorria desde 2011. Na manhã de terça-feira, a Delegacia de Repressão aos Crimes Informáticos (DRCI) e a Delegacia Estadual de Investigações Crimiais (Deic) cumpriu mandados de busca e apreensão na casa do casal, no bairro Vila Olímpica.
Conforme a Delegada Luciana Muniz Caon, que comandou a investigação, o casal criava cadastros de empresas falsas no site do Mercado Livre e simulava compras e vendas de softwares de móveis planejados. O objetivo do casal era se beneficiar da vantagem oferecida pelo Mercado Pago de ressarcir o pagamento de produtos não recebidos.
No casa deles, foram apreendidos um notebook, dois celulares, HD externo, quatro cartões de banco e um do Pag Seguro. O casal foi encaminhado ao Deic, em Porto Alegre, para prestar depoimento, e depois foram liberados. Eles responderão as acusações em liberadade.

Polícia prende suspeito de matar casal de idosos em Gramado

Homem foi detido em Capão da Canoa, no Litoral Norte
Casal de idosos foi morto dentro de casa no bairro Várzea Grande, em Gramado | Foto: Halder Ramos / Especial / CP
Casal de idosos foi morto dentro de casa no bairro Várzea Grande, em Gramado | Foto: Halder Ramos / Especial / CP

  • Correio do Povo
A Polícia Civil prendeu, na manhã desta quarta-feira, homem suspeito de assassinar um casal de idosos em Gramado. O suspeito, de apelido Veja, foi detido em Capão da Canoa, no Litoral Norte. A causa do crime - que aconteceu na noite do dia 22 de novembro - ainda é desconhecida, mas a investigação acredita que tenha sido latrocínio (roubo seguido de morte).
O casal Mário, 79 anos, e Julita Wolf, 76, foi encontrado morto dentro de casa na rua 1° de Maio, bairro Várzea Grande, apenas dois dias depois do crime, por um vizinho - que estranhou a falta de movimento no local.  O corpo da mulher estava em um dos quartos e o do homem foi encontrado na varanda. A casa estava bagunçada, com gavetas reviradas. O crime chocou a comunidade gramadense pela violência.
 O casal morava sozinho e teria conversado com a família horas antes do cirme.

Três pessoas são detidas após sequestro de empresária em Gramado

Vítima foi libertada à noite, em Gravataí, e dinheiro do resgate foi recuperado

  • Correio do Povo
A empresária do ramo gastronômico Cristina Santos foi libertada no final da noite dessa terça-feira em Gravataí, na região Metropolitana, após ser sequestrada em Gramado, na Serra gaúcha. Segundo informações da Polícia Civil, três pessoas foram detidas como suspeitas do crime. Dois foram presos em flagrante e um adolescente foi apreendido por policiais. 
A Polícia Civil, que estava investigando o desaparecimento de Cristina, ainda recuperou a quantia do resgate paga ao trio. O crime começou quando a vítima deixou o restaurante que comandava na noite dessa segunda-feira para levar funcionários do estabelecimento para suas casas. Depois disso, ela não havia sido localizada, mas o Fiat Doblô foi encontrado na manhã dessa terça no bairro Floresta, em Gramado.

Operação da PF na Câmara tem como alvo dois deputados federais

Estão sendo cumpridos 16 mandados de busca e apreensão e oito de intimação

  • AE
A Polícia Federal cumpre, nesta quarta-feira, mandados judicais na Câmara dos Deputados, em Brasília. Agentes realizaram buscas nos gabinetes dos deputados Carlos Gaguim (Podemos) e Dulce Miranda (PMDB) - mulher do governador de Tocantins, Marcelo Miranda (PMDB).
A PF e a Procuradoria-Geral da República abriram a 6ª fase da Operação Ápia para cumprir 16 mandados de busca e apreensão e 8 de intimação contra investigados citados em acordo de
colaboração premiada homologado no Supremo Tribunal Federal.
Nesta 6ª fase, apura-se os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro decorrentes de vários pagamentos de propinas realizados pela empresa Construtora Rio Tocantins - CRT, de propriedade do delator Rossine Ayres Guimarães, a integrantes do núcleo político investigado. Estão sendo cumpridos mandados nas cidades de Palmas e Araguaína, no Tocantins, e em Brasília.
Então sendo cumpridos mandados nas cidades de Palmas/TO, Araguaína/TO e em Brasília/DF.
A Operação Ápia foi deflagrada em outubro de 2016 pela Superintendência Regional da Polícia Federal em Tocantins para desarticular uma organização criminosa que atuou no Estado
corrompendo servidores públicos, agentes políticos, fraudando licitações públicas e execução de contratos administrativos celebrados para a terraplenagem e pavimentação asfáltica em
várias rodovias estaduais - em valores que superaram a cifra de R$ 850 milhões.
As obras foram custeadas por recursos públicos adquiridos pelo Estado de Tocantins, por meio de empréstimos bancários internacionais e com recursos do BNDES, tendo o Banco do
Brasil como agente intermediário dos financiamentos no valor total de R$ 1.203.367.668,70.
Os recursos adquiridos tiveram a União Federal como garantidora (fiadora) da dívida contraída com Banco do Brasil e foram batizados pelo Governo Estadual como Programa Proinveste e
Proestado.
Em nota, a PF informou que a investigação apontou para um esquema de direcionamento das contratações públicas mediante pagamento de propina de empresários que se beneficiavam
com recebimentos por serviços não executados.
O núcleo político da Associação Criminosa era responsável por garantir as contratações e o recebimento de verbas públicas indevidas por parte dos empresários corruptores.

as melhores tiras do edibar...

Resultado de imagem para as melhores tiras do edibar

Acordo prevê votação do 13º sem resistências

Líderes da oposição e do governo se comprometem a aprovar projeto na próxima terça-feira
Acordo prevê votação do 13º sem resistências | Foto: Leandro Molina / AL / CP
Acordo prevê votação do 13º sem resistências | Foto: Leandro Molina / AL / CP

  • Correio do Povo
O governo deverá aprovar seu projeto para financiamento do 13º salário dos servidores mediante empréstimo bancário, na semana que vem, sem passar pelo crivo de comissões e com o acordo das bancadas de oposição. A proposta, no entanto, não deverá passar sem controvérsia pelo plenário da Assembleia. “Vamos discutir cada item e cada tema relacionado com esta decisão. O governo não irá concretizar esta política lamentável sem que denunciemos como são desastrosos os motivos que conduzem a ela”, apontou a líder da bancada do PT, Stela Farias.
Segundo Stela, a bancada petista, que possui 11 votos, manterá acordo pela aprovação do projeto, por conta “da importância que terá para as famílias dos servidores já atingidas pelo parcelamento de salários”, afirmou.
Conforme o chefe da Casa Civil, secretário Fábio Branco (PMDB), o empréstimo dependerá da escolha do servidor, que poderá fazer a transação em qualquer banco. O Estado, de acordo com ele, se comprometerá com o custo da operação bancária, que terá juros de 1,42% por dia de atraso. “O servidor será ressarcido dos juros do empréstimo no mês subsequente em sua própria conta. Se encontrar outra facilidade (em outro banco que não seja o Banrisul), poderá escolher. É uma situação do próprio servidor e ele que vai resolver o problema”, declarou, em entrevista à Rádio Guaíba, pela manhã, logo após a entrega do projeto ao presidente da Assembleia, deputado Edegar Pretto (PT), quando esteve acompanhado de parlamentares integrantes da base. Com o encaminhamento de um acordo entre as bancadas, a matéria poderá ser votada já na próxima terça-feira.
Para aliado, proposta chega tarde
A apresentação do projeto de lei pelo governador José Ivo Sartori (PMDB) para que a Assembleia autorize a aquisição de empréstimos para saldar o 13º salário dos servidores recebeu duras críticas do vice-líder da bancada do PSDB, Pedro Pereira, integrante da base governista.
“Independentemente de projeto, o correto seria que os servidores recebessem sempre em dia. Agora, o governo apresenta esta proposta faltando uma semana para o prazo legal do 13º salário. É a comprovação de que o governo está perdido”, disparou Pereira.
Segundo Pereira, integrantes da base não foram consultados sobre a decisão do governo. “Falta humildade a este governo, que agora irá entrar no último ano, perto das eleições e, para mim, está acabado”, completou. Para o líder da bancada do PMDB, Vilmar Zanchin, as críticas que forem feitas por deputados sobre a decisão do governo deverão ser respeitadas. “Esta é alternativa que o governo encontrou perante a falta de recursos. O governo tem tomado todas as medidas que estão ao seu alcance. Críticas serão respeitadas”, ponderou Zanchin.

Mineirão é candidato à sede da final da Libertadores em jogo único

Candidatura foi feita pelo presidente da Federação Mineira de Futebol, Castellar Modesto Guimarães Neto
Candidatura foi feita pelo presidente da Federação Mineira de Futebol, Castellar Modesto Guimarães Neto | Foto: Rafael Ribeiro / CBF / Divulgação / CP
Candidatura foi feita pelo presidente da Federação Mineira de Futebol, Castellar Modesto Guimarães Neto | Foto: Rafael Ribeiro / CBF / Divulgação / CP

  • AFP
Belo Horizonte pôs o Mineirão como candidato para receber a final única da Libertadores, nesta terça-feira, segundo informou a Conmebol.
A candidatura foi feita pelo presidente da Federação Mineira de Futebol, Castellar Modesto Guimarães Neto, em visita ao presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, em Assunção. O Mineirão foi palco de vários jogos da Copa do Mundo de 2014, inclusive da derrota por 7 a 1 do Brasil para a Alemanha. O estádio tem capacidade para 62.000 torcedores.
Depois de ampliar o formato do torneio, a Conmebol planeja fazer final única na Libertadores e acompanhar o formado da Liga dos Campeões da Europa. Belo Horizonte se junta a Quito como aspirante à sede da final única, que ainda não é oficial e aparece como "eventual" no calendário da Conmebol para 2018.

Sol predomina nesta quarta e temperatura supera os 30°C no RS

Porto Alegre tem previsão de máxima de 37°C
Sol predomina nesta quarta e temperatura supera os 30°C no RS | Foto: Betina Carcuchinski / PMPA / CP
Sol predomina nesta quarta e temperatura supera os 30°C no RS | Foto: Betina Carcuchinski / PMPA / CP

  • MetSul
O sol predomina em todo o Rio Grande do Sul nesta quarta-feira que repete o calor intenso dos últimos dias. O céu terá amplos períodos de céu claro e a massa de ar seco cobre o Estado, o que aquece bastante o território durante o dia, podendo superar os 30°C em diversas regiões.
Pela tarde, a quarta terá temperaturas de forte a intenso na maior parte do Estado, marcando o começo de uma sequência de dias escaldantes que deve ter máximas perto ou acima de 40°C.
Porto Alegre é uma das cidades que terá termômetros ultrapassando os 35°C. Como é o caso desta quarta na Capital, que deve ter temperaturas entre 15°C e 37°C.
Mínima e Máxima
Rio Grande 18°C | 32°C
Cruz Alta 17°C | 33°C
Pelotas 17°C | 34°C
Bagé 16°C | 35°C
Santa Maria 18°C | 36°C
Santa Rosa 20°C | 37°C